sábado, 15 de março de 2014

EU E A NOITE...

Magda Farias

Como uma andarilha,
é assim o coração, bate
e bate, pulsa e pulsa...

Na escuridão da noite,
vejo apenas luzes piscando,
sigo e sigo à diante, meus
passos apressados...

Onde chegar,chegar à lugar
nenhum! e à lua, de olhos
abertos, à seguir-me passo
à passo, sigo na escuridão...

Mais à noite é sombria,
mais têm seus mistérios,
seus encantos... e eu que
amo tudo isso, e deleito-me...

Nessa escuridão, nessa imensidão
de luar de céu estrelado,como uma
andarilha, sigo e sigo noite à dentro...

Como gosto de estar com á noite
e saber que logo já vem um novo
dia...e te-la como uma companheira,
conhecer seus mistérios, e suspirar...

Rio,15/03/2014.

Postar um comentário